A importância da psicologia das cores para uma marca

A importância da psicologia das cores para uma marca

Você já deixou de comprar algum produto que não conhecia por influência da embalagem? Independente da resposta, saiba que uma pesquisa feita pela empresa Kissmetrics constatou que cerca de 93% dos consumidores levam em conta o aspecto visual de um produto antes de comprá-lo. Isso mostra o quão importante uma embalagem e a aparência podem ser. 

Para que sua marca, embalagem, redes sociais ou campanha transmita a emoção correta, é necessário escolher muito bem as cores. Hoje iremos te mostrar a importância da psicologia das cores para uma marca. 

CRIANDO UMA IDENTIDADE VISUAL

Uma identidade visual é composta por vários elementos, entre eles está o logotipo, slogan, websites e as cores. A escolha das cores é definitiva para um bom resultado com o público, além de ser responsável por transmitir as sensações e emoções corretas. Vamos conferir a seguir o significado de algumas cores:

Vermelho

Transmite energia, paixão, força e intensidade. Você já reparou que elas geralmente são usadas em restaurantes de fast-food? Isso porque eles desejam despertar o apetite nas pessoas. Também podemos encontrá-la bastante em liquidações pois nesse caso representam senso de urgência.

Verde

Bem-estar e esperança. Essa cor é muito utilizada em consultórios médicos com o intuito de relaxar o paciente. Também pode ser usada em empresas com a ideia de sustentabilidade.

Azul

Usada na marca para promover confiança, a cor azul tem o intuito de despertar intelectualidade, serenidade e segurança.

Amarelo

Otimismo, alegria, alerta e conforto. O amarelo prende a atenção do consumidor, passando a ideia de parada e cautela. Você vê essa cor sendo muito usada em vitrines de lojas. 

FORTALECIMENTO E POSICIONAMENTO

No processo de criação da marca é possível realizar combinações de cores para expressar os principais valores da sua marca e criar uma conexão com seu cliente. Mas para isso é necessário conhecer muito bem o perfil do consumidor.

Exemplo: clínica de estética. Uma clínica de estética quer promover calma, relaxamento e tranquilidade, por isso não se deve escolher para a marca a cor vermelha pois ela representa energia e é completamente o oposto do objetivo. De acordo com um estudo da Quicksprout, azul, verde e roxo são as cores preferidas do público feminino, enquanto laranja e cinza são as que mais desagradam. Sendo assim, nessa identidade visual podemos pensar nas emoções que cada cor transmite e, por fim, adotar tons neutros em verde ou azul para basear a identidade visual dessa marca.

A psicologia das cores também é fundamental para estratégias de branding como fortalecimento da marca. Isso porque ao transmitir uma personalidade marcada pela emoção que ela passa, te torna diferente da concorrência.  As cores devem ser associadas a todo o design de campanha e redes sociais, além da escolha certa das palavras, imagens e etc. 

Pense no McDonald ‘s, você seria capaz de imaginar o logo deles apenas com as combinações de cores em um papel, certo? As cores têm importância, e muito!

COLOCAR A MÃO NA MASSA

Para que toda essa estratégia das cores seja utilizada de forma assertiva na sua marca é necessário uma empresa de marketing qualificada. Ela é capaz de trazer soluções com muito planejamento, design e pesquisa. Nós da Pallets – Marketing, Comunicação & Design já realizamos vários trabalhos de identidade visual e ficaremos muito felizes em te ajudar! Solicite agora mesmo uma proposta!